Propaganda enganosa…

Hoje(29) eu saí com um dos corpos mais perfeitos que eu já vi… só perdeu para outros dois… o de uma ex-aluna que eu tive e uma amiga que malha 2 vezes ao dia, ambos iguais mas, naturais….. corpos que eu ainda “vejo” ocasionalmente mas no momento isso não vem ao caso.

Voltando…

Vamos qualificá-la para bom entendimento: 38A, mãe de dois filhos, foi muito enganada pelo marido(largava-a em casa de Amélia e dava perdido) até que ela fez ele pagar plástica para colocar silicone, remover sobra de barriga e aproximar musculatura  abdominal. Realmente ficou um tesão e inquestionável se não fossem as queloides inerentes da etnia parda.

Me disse ela que após a cirurgia o marido quer sexo todo dia e ela recusa britanicamente. Tá, não tente entender… deixa pra lá mas… keep it in mind.

Disse-me ela que sofreu muito na mão de homens mas quando o marido mandou “fabricar” a esposa ela me disse que não quer mais sexo com ele…. vai entender… eu entendi! Ela, agora, se farta de torturar homens, vejam a explicação.

Normalmente eu sigo à risca as regras do jogo e pra ela primeiro encontro era só para conversar. Nada disso.. a coisa esquentou dentro do carro mas eu tive que me segurar para cumprir com o “acordo”. Ela ficou, aparentemente, puta da vida pois aquele corpo todo não provocou nenhuma ereção em mim. Pobre gazela… muitos anos de treinamento e controle do meu corpo não fariam diferente mesmo com minha quantidade exorbitante de hormônios (são meus então eu os controlo). Se eu permiti-se isso o meu ideal de amante perfeito se esvairia instantaneamente!

Dias depois o motel rolou. Ela chegou naquele esquema de sempre toda perfumada e sensual. Tirou a roupa e eu deixei a ereção acontecer naturalmente. Bombei por 10 minutos e ela simplesmente falou: “Dá pra gozar logo?”

Fi-lo sem muito entender no momento mas este findou com o aparente “ritual”. Mais rápido que maratonista…. ou será mais rápido que uma puta… ela levantou pegou a toalha e se enrolou… ato consecutivo foi ir encher a hidro. Mesmo eu tendo feito de tudo para segurá-la na cama. Hidro demora pra encher… dá pra meter mais uma vez tranquilo mas ela ficou lá olhando a água e fazendo cara de tesão pra mim. Too late, eu já havia sacado a situação…

Aquele puta corpo se realizou em aparentemente ter escravizado mais um homem e não quis mais nada. 30 minutos de motel (que eu havia planejado 6 horas) já havia o resultado do jogo.

Não senhores, ela não venceu. Não estou nessa vida há tanto tempo para ser um cabrito no pasto.

Admito que eu meteria a noite toda e que ela é MEGA gostosa mas esse joguinho de “vou seduzir homens para fazê-los sofrer o que eu sofri” é coisa de menina de 20 anos… não acham que iria me surtir efeito né rsrsrs.

Vesti a roupa, paguei o motel (sempre, mesmo que seja uma bosta o sexo) e vazei.

Fico imaginando a satisfação ilusória que ela carrega. Se privando de bons momentos, que poderiam também ser “vingativos”, em troca de um ideal estranho de oferecer seu “buraco” fingindo sentir nada só pra ver homens ficando “na vontade” por mais. Pedi mais uma vez e disse-me ela para me masturbar na frente dela. Bah, isso eu faço em casa sozinho… dar esse prazer a ela, nem. Saí da hidro, coloquei a roupa e fiquei na cama mandando mensagem no Tinder até ela se tocar que o “jogo” acabou sem vencedores.

Camarão que dorme a onda leva! Saí dali já colei num bar do Ipiranga onde estava uma Tinderiana e aqui estou eu: escrevendo depois de meter MUITO com uma menininha do Tinder que nem muito peito e nem muita bunda tinha mas que fez duas horas voarem como por mágica enquanto aquela outra “monstruosidade de perfeição” foi embora com uma metidinha fuleira e sem nexo.

Vai entender essas mulheres rsrs

De qualquer modo o mundo é moldado por elas e toda ação que ela tomam, vira uma ração contra elas mesmas. Agora mais que nunca eu reafirmo: corpo não representa porra nenhuma! Tive a mais gostosa e a mais simples na mesma noite e o que melhor rendeu?????😉

M

Esta entrada foi publicada em abril 30, 2015. Crie um bookmark para o link permanente.